Vereadores aprovam em 1ª votação Lei que concede reembolso de conexão à internet para professores

04/08/2022


 

A Câmara Municipal de Maringá aprovou com 13 votos na manhã desta quinta-feira (4), o projeto de Lei Complementar 2.152/2022 apresentado pelo Executivo e defendido pelo líder na Casa, vereador Alex Chaves (MDB) que cria o Auxílio Conectividade para professores da rede municipal de ensino. 

O auxílio de R$ 100, vai funcionar em forma de reembolso para que os professores custeiem a contratação de dados para uso de internet e possam assim, continuar oferecendo suporte de ensino à distância para alunos e também para manter contato com os pais.

O vereador Alex Chaves explica que se trata de uma medida necessária para evitar que os professores sejam onerados ao prestarem serviços à distância. Em 2022, a administração municipal entregou 3300 notebooks aos professores da rede municipal que estão sendo usados para o ensino complementar à distância. 

"Durante a pandemia percebemos que os professores tiveram dificuldades a manterem-se conectados com a comunidade escolar e que também tinham que custear aparelhos e dados de internet. O município forneceu os aparelhos e faltava o auxílio conectividade que será concedido através de verba indenizatória", disse Chaves. 

O projeto ainda deve passar por mais uma votação e depois segue para sanção do prefeito. 

Após a sanção do prefeito, o município deverá regulamentar a Lei e só então, os professores passarão a receber o reembolso.

A expectativa é que o auxílio comece a ser concedido ainda no ano letivo em curso.

 

 

 

 

 

 

 

 


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.