Suécia com maior número per capita de mortes por covid-19
A Suécia registra mais de 3800 mortes devido à pandemia provocada pelo novo coronavírus e é o país com maior número per capita de mortes por covid-19 do mundo.

21/05/2020


 

A estratégia sueca tem divergido da adotada pela maior parte dos países, evitando o confinamento da população e o encerramento dos estabelecimentos. Moses Ntanda tinha 70 anos e é uma das vítimas da pandemia. A sobrinha, Juliana Jihem, conta que o tio morreu num lar de idosos, onde residia, porque se recusaram a levá-lo para o hospital.

Juliana diz que a administração do lar afirmou que o tio não precisava de cuidados hospitalares, mas ela discorda."

O marido de Juliana, Peter Jihem, recorda que ligaram-lhe para o trabalho pedindo-lhe que fosse para casa pois o irmão da sua sogra tinha falecido. Quando chegou a casa encontrou-a aos prantos.

Cerca de metade das mortes por coronavírus na Suécia são de idosos que viviam em lares. As autoridades suecas admitem que impor uma proibição de visitas não foi suficiente para proteger os idosos.

O diretor dos serviços de epidemiologia da Agência de Saúde Pública da Suécia, Anders Tegnell, conclui que "essa abordagem não funcionou muito bem" e que país está a tentar melhorá-la "em colaboração com as pessoas que gerem e são responsáveis por esses lares".

O repórter da euronews, Per Bergfors Nyberg, relata que "a estratégia da Suécia consiste em recomendar o distanciamento social, ao invés de ordenar um bloqueio total. Alguns especialistas, como Stefan Hansson, afirmam, que essa tem sido uma estratégia perigosa".

O médico afirma que o país "tem uma das taxas de mortalidade mais elevadas do mundo e que cerca de dois terços, ou algo do género, poderiam não ter morrido".

A ministra sueca dos Negócios Estrangeiros, Ann Linde, defende a estratégia do Governo afirmando terem conseguido atingir um dos objetivos, "que é o de aplanar a curva de propagação do vírus e também o de tornar possível ao sistema de saúde fazer face a este forte desafio." A governante garantiu, no entanto, que vai ser averiguado o motivo pelo qual a covid-19 se espalhou tão fortemente nos lares de idosos.

Juliana Jihem deixa a questão: "se a estratégia é boa, então porque é que tantas pessoas estão a morrer?"

fonte: Euronews


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.