Prefeitura abre procedimento administrativo para apurar inexecução do contrato com a SUDAMED

04/05/2021


Diante dos recentes acontecimentos referente ao Sistema de Atenção à Saúde dos Servidores da Prefeitura de Maringá (SAMA), especialmente os anúncios do Hospital Paraná e do Hospital Maringá no sentido de que procederam a interrupção do atendimento dos servidores, o Município de Maringá esclarece que abriu procedimento administrativo para verificar eventual inexecução contratual por parte da SUDAMED, sendo que está sendo concedido à mesma o direito ao contraditório e ampla defesa, e que após o regular processamento do feito, a depender do que for apurado, poderão ser aplicadas as penalidades previstas no contrato e na legislação. Siacom

 

Leia também:

"Contrato com a Sudamed será rescindido", diz Ulisses Maia a O FATO MARINGÁ 

Prefeitura confirma rescisão com a Sudamed. Ulisses anunciou em exclusiva no início da tarde a O FATO MARINGÁ 

* Sudamed entra com liminar contra a Prefeitura de Maringá. "Queremos reembolso de R$ 2,7 milhões. Covid não faz parte do contrato", diz administrador da empresa

 

 

 

 

 


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.