Palestra gratuita faz reflexão sobre causas do suicídio
Evento no Dona Guilhermina acontece na próxima sexta-feira, (12), às 19h.

03/04/2019


Suicídio e Condutas Autodestrutivas’ será tema da palestra gratuita do professor Roosevelt Cassorla no Auditório Dona Guilhermina (av. Tiradentes, 710), na próxima sexta, 12, às 19 horas. Entre as reflexões propostas pelo palestrante está uma questão desafiadora: quais os fatores que fazem com que a vida não mais valha a pena ser vivida? A resposta a essa pergunta pode levar a uma encruzilhada.

 

No artigo ‘O sentido da vida e o desafio do suicídio’, Roosevelt Cassorla pondera que a capacidade de pensar conduz ao entendimento individual do significado da vida, mas diversos fatores podem perturbar esse equilíbrio. “O suicida não quer viver porque procura escapar de um sofrimento insuportável”, afirma o professor de Psicologia Médica da Unicamp e autor de vários livros sobre o tema

 

Cassorla elenca em seu artigo algumas situações que podem explicar o ato extremo, como a busca por outra vida, reencontro com pessoas queridas, vingança e um pedido de ajuda. “O suicida costuma comunicar seu desespero. Uma tentativa de suicídio não bem sucedida é uma mensagem desesperada”, afirma, acrescentando que “o encaminhamento a um profissional de saúde mental é sempre necessário nesses casos”.

 

Existem outros comportamentos autodestrutivos como acidentes, uso de drogas, falta de cuidados pessoas, excesso de trabalho, busca de situação de violência”, explica Roosevelt Cassorla, lembrando que a sociedade estimula também a destruição, através de violência social e a desumanização da vida. “”Podemos, portanto, pensar num componente suicida permeando toda a sociedade”, afirma.

 

Informações: Rosemari Boer Antoni (3226-1771) e Edilaine Zamerlan (99900-1988)


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.