Morre o comunicador e político maringaense Paulo Mantovani
Como apresentador ficou famoso como o "Homem da Moringa", do programa Prosa Sertaneja

14/09/2020


Paulo Mantovani, pai do vereador Flávio Mantovani (REDE), e que ocupou uma cadeira na Câmara de Maringá por quatro mandatos, morreu na manhã desta segunda-feira, (14) no hospital Bom Samaritano. Paulo não resistiu a complicações derivantes de uma cirurgia pela qual passou para retirada de um tumor no pulmão. 


Com o programa televisivo “Prosa Sertaneja”, Paulo Mantovani ficou mais conhecido como o “Homem da Moringa”, fazendo sucesso em toda a região. 
Em sua atuação no Poder Legislativo, sempre desempenhou papel de liderança, vindo a ser vice-presidente da Câmara de Maringá entre 1985 e 1987.


O corpo de Paulo Mantovani será velado a partir das 10 horas desta terça-feira (15), no plenário da Câmara. A sessão ordinária desta terça-feira (15) está cancelada e foi decretado ponto facultativo na Casa de Leis. Paulo Mantovani deixa dois filhos.

 

Só em setembro, Maringá já perdeu três nomes conhecidos e importantes da comunicação maringaense. Kenji Ueta, Frank Silva e por último Paulo Mantovani. 

 


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.