Luto na Fórmula 1. Morre Niki Lauda, uma lenda do automobilismo
"Com profunda tristeza, anunciamos que nosso amado Niki morreu tranquilamente em companhia de seus caros familiares"

20/05/2019


Campeão da F-1 em 1975, 1977 e 1984, Lauda sobreviveu a um grave acidente em 1976, no GP da Alemanha (AFP)

A Fórmula 1 perdeu hoje um de seus maiores campões.O lendário Niki Lauda morreu em uma clínica na Suiça, hoje pela manhã. A família anunciou à imprensa: "Com profunda tristeza, anunciamos que nosso amado Niki morreu tranquilamente em companhia de seus caros familiares."

 

O ex piloto de Fórmula 1, foi internado há algumas semanas para se submeter a tratamentos de hemodiálise e no ano passado, se submeteu a um transplante de pulmões em Viena, capital da sua Áustria. 

Nascido nela, em 22 de fevereiro de 1949, foi campeão do mundo em três ocasiões, 1975 e 1977 com a Ferrari e 1984 com a Mc Laren. Venceu 25 corridas e fez 24 poles nas 171 corridas em que tomou parte.

DE UMA DELAS, NINGUÉM VAI SE ESQUECER

Em 1976, um acidente em Nurburgring, o deixou preso nas ferragens em meio a um incêndio, que quase lhe custou a vida. Apesar de graves queimaduras, o austriaco ainda voltou a correr naquele ano, e só perdeu o título mundial, na última corrida. 

 

 

 


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.