Londrina entrega Selo Arma Não é Brinquedo
Objetivo é conscientizar a população para o fato de que uma “brincadeira aparentemente inocente”, com armas de brinquedo, pode estimular impulsos agressivos e atos violentos

08/11/2019


divulgação

 

Para incentivar os lojistas de Londrina a participarem da campanha pela paz e não estímulo à violência, o Conselho Municipal de Cultura de Paz (COMPAZ) e a Organização da Sociedade Civil Londrina Pazeando vão realizar, no dia 21 de novembro, às 14h30, uma solenidade de entrega do Selo Arma Não é Brinquedo, na Câmara de Vereadores de Londrina, na Rua Gov. Parigot de Souza, 145, no Centro Cívico.

Esta será a nona entrega de selos, sendo que 45 lojistas vão recebê-lo. Os interessados em saber quais são as lojas amigas da campanha podem acessar a lista completa no site da Câmara Municipal https://www.cml.pr.gov.br/cml/site/arma.xhtml. Além deles, podem participar os empresários e comerciantes que receberam o selo de reconhecimento, no ano passado e a comunidade em geral.

 

 

O objetivo é conscientizar a população para o fato de que uma “brincadeira aparentemente inocente” utilizando armas de brinquedo, pode estimular nas crianças e nos adolescentes impulsos que levam a atitudes agressivas e atos violentos. Assim, a aceitação passiva desses artefatos ajuda na banalização da violência e pode facilitar a ocorrência de acidentes com armas de fogo verdadeiras.

Além da entrega do selo, os participantes poderão assistir a apresentação dos trabalhos do sociólogo Antônio Rangel Bandeira, autor do livro “Armas Para Quê?”. Nesta, ele trata do uso de armas de fogo no Brasil e no mundo, assim como sobre a criação do Estatuto do Desarmamento no país e apresenta a Campanha e o Selo Arma Não é Brinquedo, realizados em Londrina.

 

 

Segundo o secretário do Compaz e gestor do Londrina Pazeando, Luis Cláudio Galhardi, essa apresentação é importante, pois mostra que Londrina está à frente de iniciativas que ajudam na conscientização das crianças para o reforço da cultura de paz. Além disso, Londrina é considerada uma das únicas cidades do Brasil a ter uma política pública em relação ao desarmamento infantil e ao controle de venda de armas de brinquedos.

De acordo com a Lei n° 9.188/2003, que trata do assunto, a cada dois anos os comerciantes precisam passar pela certificação para renovarem a adesão à campanha, o que tornou a cidade referência nacional na política pública de controle de venda de armas de brinquedo.

 

 

A experiência londrinense inspirou uma lei semelhante no Distrito Federal e Estado de São Paulo, Estado do Rio de Janeiro e a elaboração do Projeto de Lei de autoria do prefeito Marcelo Belinati (enquanto era deputado federal) e da deputada federal Erika Kokay, o PL 2413/2015. A intenção da proposta é proibir de fabricar, importar e comercializar armas de brinquedo que imitem arma de fogo em todo o território nacional.

 

 

Caravana pela Paz  

Ainda na solenidade, será oficialmente apresentada a Caravana da 2° Marcha Mundial pela Paz e Não-Violência. Ela acontecerá em Londrina no dia 17 dezembro, trazendo a proposta de um mundo sem armas e sem guerras. Aqueles que desejarem aderir à caranava devem acessar o site do Londrina Pazeando para obter mais informações. http://londrinapazeando.org.br.

As ações fazem parte da programação da 2° Semana Municipal da Justiça Restaurativa de Londrina, que será realizada de 12 a 21 de novembro, e que foi instituída pelo prefeito Marcelo Belinati no calendário oficial de comemorações do Município, através da sanção da Lei Municipal nº 12.624/17. A intenção é conscientizar a população sobre as Práticas Restaurativas, por meio de palestras, conferências, campanhas, exposições, demonstrações públicas e outras atividades que levem conhecimento à população.

 

Outras informações podem ser obtidas com a Presidente do COMPAZ Conselho Municipal de Cultura de PazMaria Aparecida Prandini Pereira, pelo 99919-6000 e com o gestor do Londrina PazeandoLuis Claudio Galhardi, pelo 99996-1283.

 

 

fonte: Assessoria de Imprensa Prefeitura Municipal de Londrina

Por - Ana Paula Hedler


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.