Justiça Fiscal garante condições a todos de poder de pagar os impostos e à prefeitura de realizar os serviços, afirma Wlademir Garbuggio, vice-prefeito de Sarandi

14/08/2021


 

Aumentar a arrecadação dos municípios sem aumentar impostos e taxas. Esse foi o objetivo do Seminário ministrado pelo secretário de Fazenda da prefeitura de Maringá, Orlando Chiqueto. Além de vários prefeitos da Amusep, cidades como Cianorte, Campo Mourão e Nova Esperança também participaram das atividades desenvolvidas na manhã desta sexta-feira, 12, no Auditório Hélio Moreira - paço municipal da prefeitura de Maringá. 

A iniciativa faz parte do programa da Secretaria de Assuntos Metropolitanos e Institucionais de Maringá e da Associação dos Municípios do Setentrião Paranaense - Amusep. 

Chiqueto apresentou relatórios sobre a saúde econômica da administração pública que demonstram incrementos superiores a 70% em relação a anos anteriores. Segundo o Secretário de Fazenda, entre os segredos do superávit do município, estão a austeridade nos gastos, investimentos em mão de obra qualificada, redução da burocracia, justiça fiscal e rigidez na fiscalização. 

 

Veja também: Entrevista com o secretário de Fazenda Orlando Chiqueto

 

"JUSTIÇA FISCAL É GARANTIA QUE TODOS TENHAM CONDIÇÕES DE PAGAR OS IMPOSTOS",

AFIRMA VICE-PREFEITO DE SARANDI - WLADEMIR GARBUGGIO

A Prefeitura de Sarandi também participou do seminiário e trouxe experiências importantes que estão fazendo com que o município cure definitivamente o stigma de cidade dormitório que atrapalhava a atração de investimentos. Em apenas quatro anos Sarandi que tinha apenas 8% de saneamento básico passou a ter quase 80% de cobertura. Outro aspecto que está ajudando muito a valorizar as propriedades é o asfaltamento que em 2021 deve alcançar o último bairro que ainda não tem a estrutura básica. 

Garbuggio lembra que o primeiro ano de cada mandato é de essencial importância para corrigir anomalias como a falta da correção da Planta Básica de residências que tiram recursos da cidade.

"É importante fazer com que todos os profissionais que prestam serviço no município possam pagar seu ISS e a correção da Planta Básica também é indispensável, assim como reduzir despesas com energia elétrica, horas extras e combustível; tudo isso contribui para aumentar a arrecadação e demonstra a intenção de usar o dinheiro da população com austeridade. O povo hoje quer isso do administrador e nós estamos empenhados em corresponder positivamente aos pedidos". 

Sobre a parceria com a Amusep, com a Secretária de Assuntos Metropolitanos e a troca de experiências com outras prefeituras, Garbuggio diz que Sarandi está procurando tirar o máximo proveitos dessas relações que ajudam a manter o foco nas ações que precisam ser realizadas no dia a dia. "Quando você começa na sua casa, na sua prefeitura,  economizando energia, substituindo lâmpadas normais por de Leds, fazendo com que funcionários desliguem as luzes e aparelhos desnecessários, se descobre que a liquidez que o município precisa está em parte no desperdício que não pode mais ser tolerado", completou o vice-prefeito. 

 

 

Fausto Herradon, Secretario de Assuntos Metropolitanos afirma que o seminário de hoje, faz parte de uma série de iniciativas que a Prefeitura de Maringá está organizando em parceira com a Amusep e com municípios de outras regiões, com objetivo de compartilhar cases de sucesso da administração de Ulisses Maia, mas também de outras cidades que estão se destacando em alguns indicadores dos setores da vida pública. 

"Não é somente Maringá mostrar o que tem de bom, mas observar ações relevantes de outras cidades. Um exemplo é a cidade de Munhoz de Melo com o prefeito Dr. Marcondes que foi premiado pelo excelente trabalho desenvolvido na Saúde; Temos também Floraí e Atalaia, que se destacaram por dois anos consecutivos no IDEB - Índice de Desenvolvimento da Educação Básica, um indicador criado pelo governo federal para medir a qualidade do ensino nas escolas públicas. Esses municípios possuem os melhores índices do Paraná e isso tem que ser compartilhado com todos", disse o Secretário. 

 

VEJA A ENTREVISTA EXCLUSIVA COM O SECRETÁRIO FAUSTO HERRADON

 

Secretaria de Assuntos Metropolitanos prepara lançamento do 1º Circuito Metropolitano de Cicloturismo

O próximo capítulo do projeto da secretaria comandada por Fausto Herradon tem um olhar voltado para o potencial de agroturismo dos municípios da região. A próxima etapa contará com apoio e participação das secretarias de Esporte, Turismo, Meio-Ambiente de Maringá. 

Herradon anunciou para setembro de 2021 o lançamento do primeiro Circuito Metropolitano de Cicloturismo. "Vamos conhecer a região pedalando. A primeira etapa terá 50 km, com saída de Maringá, passando pelo distrito de Água Boa, Dr. Camargo, Ivatuba com  conclusão em Floresta".

No trajeto, paradas estratégicas para que os participantes possam conhecer rios, lagos, cachoeiras, igrejas. "Isso já tem despertado o interesse de outros prefeitos da região, porque esses atrativos podem também constituirem-se em fatores de desenvolvimento econômico com consequente aumento na arrecadação das prefeituras", concluiu o secretário. 

 

Do seminário de hoje, participaram ainda os prefeitos Carlos Eduardo Mariani de Atalaia, Edilen Henrique Xavier de Dr. Camargo, Edna de Lourdes Contin de Floraí,  Eliseu S. da Costa de Iguaraçu, Fábio Chicaroli de Lobato, Maurício da Silva, o Professor Índio de Mandaguaçu, Moacir Olivatti, de Nova Esperança, Ismael Batista de Paiçandu, Waldemar Cocco Jr de Paranacity,  João Péricles Martinati de Presidente Castelo Branco, Agnaldo Carvalho Guimarães de São Jorge do Ivaí, José Bassi Neto de Uniflor e Robson Pedroso de Jussara e o vice-prefeito de Sarandi Wlademir Garbuggio. Outros municípios também enviaram representantes. 

 

VEJA A ENTREVISTA COM O VICE-PREFEITO DE SARANDI - WLADEMIR GARBUGGIO 


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.