Fuga em massa de prisão no Paraguai. Bandidos tentam entrar no Brasil. Só um dos 76 foi preso

20/01/2020


fonte: euronews

76 prisioneiros conseguiram fugir de uma prisão no Paraguai.

Muitos dos fugitivos são membros do PCC, o Primeiro Comado da Capital, um dos maiores grupos criminosos do Brasil com ligações ao trafico de armas e drogas.

40 brasileiros e 36 paraguaios, fugiram por um túnel que foi cavado na prisão da cidade de Pedro Juan Caballero, fronteiriça com a cidade brasileira de Ponta Porã, no Estado de Mato Grosso do Sul.

A ministra da Justiça paraguaia, Cecilia Perez, disse que os prisioneiros devem ter levado "várias semanas" para construir o túnel e acrescentou que o pessoal da prisão "não fez nada".

Entretanto, o diretor da prisão foi demitido e dezenas de guardas foram presos.

Cinco viaturas usadas na fuga foram encontradas carbonizadas em Ponta Porã, revelou a porta-voz da polícia paraguaia, Elena Andrada.

De acordo com a Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Mato Grosso do Sul, o policiamento foi reforçado com 200 operacionais e 1 helicóptero. Os acessos de entrada e saída do Estado estão a ser vigiados.


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.