EUROPA: Novos produtos à base de microalgas à conquista do mercado

25/05/2021


As microalgas podem ser ingeridas como suplemento nutricional em comprimidos, por exemplo, ou em pó, misturadas com outros ingredientes. Qual é a percepção dos consumidores em relação a este tipo de produto?

A euronews falou com duas cientistas portuguesas que procuram formas de favorecer o consumo de algas. "Nós sabemos exatamente aquilo que são as tendências de consumo e tentamos que os nossos desenvolvimentos tenham características que sejam produtos que vão diretamente ao encontro daquilo que são as tendências atuais do consumidor. Desde logo a sustentabilidade. Rótulos simples produtos que têm por trás uma história que também é o caso de produtos que têm benefícios diretos na saúde no bem estar", disse à euronews Anabela Raymundo, investigadora do Centro de Investigação LEAF (Linking Landscape, Environment, Agriculture And Food), do Instituto Superior de Agronomia, da Universidade de Lisboa.

Estratégias para promover o consumo de algas

Para Anabela Raymundo, os consumidores mais jovens podem estar mais disponíveis para aderir a novos sabores e texturas. "Muitas vezes para envolver o consumidor é até mais fácil envolver as crianças" frisou a investigadora portuguesa.

Os investigadores esperam que aos poucos os consumidores integrem novos sabores na alimentação.

"Penso que o consumidor comum ainda não tem o grande gosto pelas algas. É um produto que não costumamos ter na nossa rotina diária. É um gosto que se adquire e temos de praticar. Penso que se o consumidor experimentar vai gostar", sublinhou Sónia Oliveira, estudante de doutoramento da Universidade de Lisboa e investigadora do LEAF. Euro News

 

 

 

CLIQUE PARA ASSISTIR A   TV WEB O FATO MARINGÁ


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.