ENIO VERRI: "Parlamento aprovou novo piso da enfermagem e Bolsonaro foi obrigado a sancionar Lei "
Deputado disse também que Lei do empréstimo consignado para quem tem direito ao Auxílio Brasil é péssima e vai causar mais pobreza

05/08/2022


 

O deputado federal Enio Verri (PT) disse hoje (5) em entrevista a O FATO Maringá que o Parlamento aprovou o novo piso salarial da enfermagem e que Bolsonaro contra sua vontade foi obrigado a sancionar a Lei. A sanção presidencial aconteceu ontem (4) e elevou o piso a R$ 4.750 mensais. O texto foi publicado no Diário Oficial da União na manhã desta sexta. O texto havia sido aprovado pelo Senado em novembro de 2021 e pela Câmara em maio desse ano. No mês passado deputados e senadores incluíram o piso em uma PEC que modificou a Constituição para garantir a legalidade da medida. Sem saída, avalia Enio Verri, Bolsonaro se viu na obrigação de sancionar a Lei. 

"É muito positiva essa vitória do Parlamento porque a categoria da enfermagem lutava por salários dignos e a pandemia mostrou o quanto essa categoria é importante e nem a vontade de Bolsonaro de impor vetos foi suficiente para impedir essa conquista", disse Enio. 

 

 

LEI DO EMPRÉSTIMO CONSIGNADO NO AUXÍLIO BRASIL É PÉSSIMA

Sobre outra Lei aprovada pelo Parlamento e sancionada pelo Governo Federal, a que permite a famílias que fazem parte do Programa Auxílio Brasil (PAB) de acessarem a empréstimos consignados usando o benefício, foi duramente criticada por Enio. 

"É uma péssima notícia. O Auxílio Brasil tem um valor muito pequeno; uma pessoa não consegue alimentar uma família com esse valor. É um valor que garante apenas a fome, agora imagine o que vai acontecer às pessoas muitos endivididas que usarem esse benefício para fazer um empréstimo consignado; vai sobrar para ele por mês só R$ 260, e além disso a taxa de juros que os bancos cobram chegam a 80% ao ano, portanto os bancos vão ganhar dinheiro, mas o pobre vai ficar mais pobre ainda. 

 

 

AGORA NA TV WEB - O FATO MARINGÁ 

 

 

 

 

 

 

 


Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.