Emergência contágios: Comissão Multissetorial e prefeitos de Maringá e região anunciam medidas para impedir aglomerações
Fiscalização se concentrará em bares noturnos, distribuidores de bebidas e festas clandestinas

20/11/2020


Há uma emergência em curso em todo o Paraná e a região de Maringá não faz exceção, admite o prefeito de Maringá em exercício Edson Scabora que na manhã desta sexta-feira, 20, coordenou os trabalhos da primeira reunião da comissão multissetorial, formada por várias secretarias do município e representações de vários setores do tecido econômico e social da cidade. O número de contágios continua a subir em todo o Estado e os números da cidade canção indicam que só nos primeiros vinte dias de novembro já foram registradas 26 mortes e 2.328 casos positivos. 
 
O diretor do hospital Maringá Dr. Daoud Nasser alertou para a forte pressão que o sistema sanitário privado está sendo submetido nas últimas quatro semanas. As UTIs dos hospitais privados e também as enfermarias estão praticamente lotadas já que além dos casos de COVID, atendem também todas os doentes graves ou que precisam de hospitalização por causa de outras patologias.
 
A superintendente do HU de Maringá Dra. Elisabete Kobayashi lembrou que a estrutura também está sendo colocada à prova e que a diminuição do relaxamento nas medidas de isolamento além de produzir mais contágios também contribuiu para o aumento da incidência de acidentes de trânsito com feridos graves . 
 
O FATO MARINGÁ através de sua WEB TV, transmitiu AO VIVO uma série de entrevistas com os participantes da reunião. 
Veja o flash AO VIVO com as entrevistas a Secretaria Municipal de Saúde interina Maria da Penha, com a promotora de justiça, Dra. Michele Nasser, com o prefeito em exercício Edson Scabora, com o presidente da Câmara Municipal de Maringá Mário Hossokawa e com o secretário de segurança Clodoaldo de Rossi.
 
Veja a reportagem transmitida AO VIVO - na modalidade on demand
 
 
AMUSEP lidera prefeitos da região para a tomada de medidas conjuntas visando reduzir os contágios
 
Após a reunião multissetorial foi a vez da Prefeitura de Maringá receber os prefeitos da região convidados a aderir ao plano que tem como objetivo coibir qualquer tipo de formação de aglomeração que implique na facilitação de proliferação do vírus. Para o reeleito prefeito de Marialva Victor Martini, "fica estranho dizer à população que é necessário aplicar novas modalidades de isolamento social já que no domingo passado todos se abraçavam durante a festa da vitória", mas que o município vai se colocar à disposição para trabalhar em conjunto com Maringá para coibir abusos e formações de aglomerações. O prefeito de Mandaguari e Presidente da Amusep - Romualdo Batista, o Batistão, disse que a administração de Mandaguari está atenta e que a população foi orientada a manter o isolamento necessário e que isso vem dando resultado, já que o aumento de casos na cidade é relativamente baixo. 
 
Veja as entrevistas com a Secretaria de Saúde de Sarandi Cida Rodrigues Schwarz, com o Prefeito de Marialva Victor Martini, com o Secretário de Saúde de Marialva José Orlando VIlla, com o Presidente da Câmara Municipal de Maringá Mário Hossokawa e com o Secretário de Segurança Clodoaldo de Rossi, que avisa: "seremos rigorosos no coibir abusos e festas clandestinas".
 
 

Veja a segunda parte da reportagem transmitida AO VIVO - na modalidade on demand
 
 
 
 
 
 
ASSISTA
WEB TV - O FATO MARINGÁ
 
 

Periódico Registrado em 04/09/2018 no Cartório de Registro de Títulos e Documentos e no Registro Civil de Pessoas Jurídicas de Maringá.
Protocolado e digitalizado sob nº 491.574 e matriculado no livro "B" sob nº 51.
Desenvolvido e mantido por Logicomp Co.